Pular para o conteúdo
27 de agosto de 2016 / carlostrapp

Bem-vindo, Bolsonaro!

Jair Messias Bolsonaro, 60, é paulista de Campinas. Está na sétima legislatura como deputado federal, pelo Partido Progressista do Rio de Janeiro. Já atuou em nosso Estado como capitão do Exército Brasileiro, de 1979 a 1981, em Nioaque.

É conhecido pela sua ousadia na luta em favor da família, contra a corrupção, entre outros males que grassam em nosso País.

Agora, o deputadoBolsonarofoi convidado pelo comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul para receber a Medalha Tiradentes. Essa homenagem acontece a cada ano e é dividida em duas partes: numa, são homenageadas autoridades civis e militares de outras forças e, na outra, apenas militares da Polícia Militar de nosso Estado.

Acontece que certos setores da nossa sociedade, entre os quais a OAB-MS, contestam essa homenagem, chegando, inclusive, a solicitar o cancelamento dela. Fato que não ocorreu por firmeza do comando da PM de MS.

Eu já fiquei contente com a homenagem que será prestada ao capitão do Exército Brasileiro (aposentado) e deputado federal Jair Bolsonaro, pois além de ter trabalhado em nosso Estado como capitão do Exército Brasileiro, conforme já citei acima, ele tem sido alguém muito combativo na Câmara dos Deputados, onde tem se colocado, de modo bem contundente, contra as políticas do movimento LGBT, consequentemente, em favor da família e a sua valorização e preservação. Bolsonaro também tem se destacado na luta contra a corrupção, desferindo duras críticas ao atual governo do PT, à presidente Dilma, à Petrobras, com destaque para a corrupção.

Agora, voltando aos opositores da homenagem, verifico, com alegria, que a grande maioria dos comentários que li na internet condenam a OAB-MS, entre outros, e apoiam a homenagem. Inclusive uma das críticas, dirigidas à OAB-MS, diz o seguinte: “Que não se pronunciou sobre a sucessão de escândalos que assolam a política nacional, que não se uniu aos movimentos de rua que pedem o saneamento da administração”. Outra crítica, praticamente na mesma linha de pensamento, diz: “Uma instituição que até o momento não se pronunciou ou se posicionou contra o maior escândalo de corrupção do planeta. Não criou nenhuma comissão para acompanhar o caso da Petrobras. Não tem credibilidade para criticar homens que lutam bravamente em defesa da família”.

Então, apesar da oposição de alguns setores da sociedade, o povo, em sua maioria, concorda com a honraria concedida ao Bolsonaro e exalta as suas qualidades, como alguém empenhado por valores, dos quais a sociedade não pode abrir mão, como a família e a honestidade.

E como cristão e conhecedor da luta do exmo. sr. Jair Bolsonaro, só posso chamá-lo, portanto, bem-vindo ao nosso Estado, congratulá-lo pela justa homenagem que vai receber, bem como o comando da PM de nosso Estado, pelo reconhecimento do serviço prestado pelo nobre deputado federal, Jair Bolsonaro.

Nota: Esse artigo foi escrito por mim e publicado no Correio do Estado em 22 de abril de 2015. Hoje, o Bolsonaro está filiado ao PSC e é pré candidato do PSC à presidência da República.

Carlos Trapp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: